Após atuação de servidores, Câmara de Vereadores de Caxias do Sul aprova moção contra a reforma administrativa de Bolsonaro


15.Outubro.2020 - 19h21min

A Câmara de Vereadores de Caxias do Sul aprovou, nesta quinta-feira, 15, moção de repúdio à proposta de reforma administrativa levada à tramitação no Congresso Nacional pelo governo de Jair Bolsonaro (sem partido) e Paulo Guedes. É a segunda moção desse tipo aprovada nos últimos dias, depois do mesmo ocorrer na cidade de Pelotas.

O pedido da moção foi feito, em Caxias do Sul, pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Caxias do Sul (Sindserv), denunciando os efeitos da reforma tanto para os servidores quanto para a população em geral. O texto foi aprovado com apenas um voto contrário, do vereador Paulo Périco, do MDB.

As moções são parte da estratégia da Frente dos Servidores Públicos do Rio Grande do Sul, da qual o Sintrajufe/RS faz parte, no enfrentamento à reforma. O objetivo é levar o debate para os municípios – os servidores municipais são a maioria do quadro do funcionalismo no país. Além de Pelotas e Caxias do Sul, moções dos vereadores contra a reforma serão levadas às câmaras municipais de diversas outras cidades do estado.

Ao mesmo tempo, o Sintrajufe/RS lançou, na última semana, uma campanha de mídia contra a reforma administrativa. São peças em rádio e televisão e nas redes sociais (veja AQUI e AQUI) defendendo que o país precisa de mais e melhores serviços públicos, não menos. Atos de rua também estão sendo organizados, a exemplo do que ocorreu nos dias 15 e 30 de setembro.

Veja AQUI a íntegra da moção aprovada em Caxias do Sul.

    Veja também

    Últimas Notícias

    Clique aqui e cadastre-se para receber nossos INFORMATIVOS

    cadastre-se

    Faça seu Login

    Troca de Usuário

    Recuperar Senha / Primeiro acesso

    O e-mail foi enviado com sucesso.

    Ocorreu um erro no envio.