Fenajufe se reúne com coordenadora do GT e secretário-geral do CNJ para tratar do Fórum Permanente de Gestão e Carreira do PJU


24.Setembro.2020 - 18h10min

A Fenajufe reuniu-se, nessa quarta-feira, 23, com a conselheira do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e coordenadora representante do Fórum Permanente de Gestão e Carreira do Judiciário, Maria Cristiana Ziouva. Ela se comprometeu a dar andamento na instalação da comissão imediatamente e informou que, até a próxima semana, irá se reunir com o diretor-geral do CNJ, Johaness Eck, para tratar dos encaminhamentos necessários.

A comissão será fundamental para discutir pleitos atuais e antigos da categoria, como Gratificação de Atividade Externa e VPNI dos oficiais de justiça; art. 193 da lei 8112/80 (Estatuto do Servidor), que trata de função comissionada e cargo em comissão; e a alteração no nível de escolaridade para o cargo de técnico judiciário.  A conselheira prometeu ajudar para que os pontos principais elencados pela federação sejam avaliados como prioridade. A Fenajufe informou que promoverá uma reunião ampliada no dia 10 de outubro e ressaltou a importância de que a instalação do Fórum ocorra até essa data. Ziouva prometeu trabalhar para que isso ocorra o mais rápido possível.

Anteriormente, no dia 14, a Fenajufe havia se reunido com o secretário-geral do CNJ, Valter Shuenquener de Araujo, para reforçar o pedido de audiência com o ministro Luiz Fux. Entre os assuntos a serem tratados, estão a implementação do Fórum. Foi destacado ofício encaminhado ao Conselho nesse sentido e salientada a necessidade de instalação em definitivo dessa instância.

O coordenador da Fenajufe e diretor do Sintrajufe/RS Edson Borowski ressalta que o Fórum é importante, pois abre um canal para discussão de diversas questões, históricas e mais recentes, da categoria. “Essa conquista, resultado da mobilização da Fenajufe, vai permitir o debate mais aprofundado e permanente de nossas pautas com os órgãos superiores”, avalia.

Sobre o Fórum

O Fórum é reivindicação antiga dos servidores e servidoras do Judiciário Federal.  Com sua instalação, servidores e servidoras dos vários segmentos poderão discutir, debater e decidir o que é melhor para o conjunto da categoria.

Criado ainda no mês de julho, por meio da portaria 119/2020, essa instância será um espaço de discussões para tratar as demandas dos servidores e das servidoras além de discutir, permanentemente, os problemas atuais do Judiciário Federal. Será composta por seis representantes da Fenajufe, além da representante de CNJ, Supremo Tribunal Federal, Superior Tribunal de Justiça, Tribunal Superior Eleitoral, Superior Tribunal Militar e Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios. O formato de distribuição para os membros da federação garantirá a representatividade de cada região do país.     

Acesse AQUI a portaria.

    Veja também

    Últimas Notícias

    Clique aqui e cadastre-se para receber nossos INFORMATIVOS

    cadastre-se

    Faça seu Login

    Troca de Usuário

    Recuperar Senha / Primeiro acesso

    O e-mail foi enviado com sucesso.

    Ocorreu um erro no envio.