Diretora do Sintrajufe/RS participa de live sobre teletrabalho, assédio moral e direito à desconexão


25.Junho.2020 - 17h11min

A diretora do Sintrajufe/RS Arlene Barcellos participou, no dia 19, de live do Sindicato dos Servidores da Justiça do Estado do Rio Grande do Sul, com o tema “Teletrabalho, assédio moral e o direito à desconexão”. Também participou o psicólogo especialista em saúde do trabalhador Arthur Lobato.

Arlene fez a distinção entre o teletrabalho e trabalho remoto na pandemia. O primeiro, explicou, é aquele que se dá em condições normais, com previsão em portarias e resoluções; o trabalho remoto em confinamento, por outro lado, é a modalidade adotada em razão da pandemia do novo coronavírus, em que o isolamento social é a forma eficaz de evitar o contágio e a proliferação da doença.

Durante a live, foram levantados aspectos importantes para o debate relativo à saúde, como sobretrabalho, tratamento dado ao acidente de trabalho e acometimento de LER/Dort durante o trabalho remoto. Foi feita também a crítica à exigência de aumento de metas e produtividade para quem faz teletrabalho. “O fato de o servidor ou servidora requer trabalhar nessa modalidade não significa que ele ou ela tenha que cumprir uma exigência de produção aumentada”, explica Arlene. 

Lobato falou sobre o sofrimento psíquico decorrente das mudanças no trabalho quando essas não são precedidas de planejamento, orientações, treinamento e informação, cobranças e sobretrabalho que podem levar ao adoecimento. O direito à desconexão é exatamente o direito fundamental de trabalhadores e trabalhadoras a horários efetivos de descanso, sem preocupação com responder e-mails e outras mensagens, por exemplo, a fim de preservar sua saúde.

Para Arlene, cabe aos sindicatos fazer avançar esse debate, com a promoção de espaços de acolhimento para receber essas demandas e a cobrança, junto aos tribunais, inclusive sobre a existência de comitês para combate ao assédio moral. 

Sintrajufe/RS tem e-mail específico para atendimento durante a pandemia

Apesar de estar fechado para atendimento presencial em razão da pandemia do novo coronavírus, o Sintrajufe/RS mantém plantão e permanente contato com a categoria. Além disso, foi criado um canal específico, destinado a denúncias, dúvidas e orientações sobre a situação nas relações de trabalho dos órgãos do Judiciário Federal e do Ministério Público da União no Rio Grande do Sul. Para fazer contato, envie e-mail para coronavirus@sintrajufe.org.br.

Atualizado em 26/6/2020, às 14h40min.

    Veja também

    Últimas Notícias

    Clique aqui e cadastre-se para receber nossos INFORMATIVOS

    cadastre-se

    Faça seu Login

    Troca de Usuário

    Recuperar Senha / Primeiro acesso

    O e-mail foi enviado com sucesso.

    Ocorreu um erro no envio.