Veja a programação da greve geral desta sexta, 14: um dia sem trabalhar para não trabalhar até morrer


11.Junho.2019 - 18h25min

Nesta sexta-feira, 14 de junho, o Brasil vai parar: a classe trabalhadora realizará uma grande greve geral contra a reforma da Previdência do governo de Jair Bolsonaro (PSL), com atos públicos e atividades de mobilização por todo o país. O Sintrajufe/RS convoca a categoria a cruzar os braços e participar: temos que parar um dia para não trabalhar até morrer! Confira as atividades desta sexta-feira, 14 de junho, em Porto Alegre:

11h – Concentração nas varas trabalhistas com salchipão

13h – Ato/Esquenta de mobilização nas varas trabalhistas

15h – Ato/Esquenta de mobilização na Justiça Federal

17h – Grande ato unificado na Esquina Democrática, Centro de Porto Alegre

No interior, haverá diversos atos em cada cidade. Informe-se e se some às mobilizações!

A reforma só beneficia os mais ricos

A proposta de emenda à Constituição (PEC) 6/2019 já está em tramitação no Congresso e só beneficia os bancos e o mercado financeiro. São muitos os motivos para ir às ruas contra esse retrocesso. Estudos mostram que os pobres pagarão a suposta “economia” prometida pelo governo com a reforma. Enquanto os trabalhadores e outras parcelas mais vulneráveis economicamente sofrerão perdas, as instituições financeiras que integrassem o sistema de capitalização pretendido pelo governo poderiam obter ganhos de até R$ 388 bilhões anuais.

Vamos unir nossas forças, com os trabalhadores do serviço público, da iniciativa privada, os estudantes e movimento social, contra esta reforma que vai acabar com o futuro de milhões de brasileiros. Não aceitamos o fim da Previdência pública brasileira. Juntos, lutamos e derrotamos a reforma de Temer! Dia 14, todos à greve geral contra a reforma da Previdência de Bolsonaro!

    Veja também

    Últimas Notícias

    Clique aqui e cadastre-se para receber nossos INFORMATIVOS

    cadastre-se

    Faça seu Login

    Recuperar Senha / Primeiro acesso

    O e-mail foi enviado com sucesso.

    Ocorreu um erro no envio.