Dia Nacional do Aposentado: lutar pelo direito a uma aposentadoria digna


24.Janeiro.2019 - 16h12min

Nesta quinta-feira, 24 de janeiro, é comemorado o Dia Nacional do Aposentado. Além do reconhecimento aos trabalhadores que já contribuíram para a sociedade brasileira ao longo de tantos anos, a ocasião é também uma data para ressaltar a necessidade da luta constante em defesa da Previdência Social. Instituído Lei 6926/81, o Dia do Aposentado homenageia a data de criação da Caixa de Aposentadoria e Pensão, em 1923, que daria origem à Previdência Social.

 

Reconhecendo a importância do aposentado para o Judiciário e a sociedade brasileira, o Sintrajufe/RS mantém, há 20 anos, o Núcleo de Aposentados e Pensionistas (NAF), que tem como objetivos possibilitar a troca de ideias e confraternização entre os colegas, além da integração junto aos demais segmentos e setores do movimento sindical. O NAF tem atividades mensais, entre elas a Quintativa, que promove atividades culturais para os aposentados e pensionistas. 

 

Iniciativas como o NAF visam incentivar para que os aposentados se mantenham ativos na luta por seus direitos e também pelos direitos de toda a categoria. Ainda que tenham prestado sua contribuição de forma valorosa ao longo de toda sua vida funcional, é preciso que os colegas se mantenham mobilizados frente a retrocessos propostos contra os direitos e também contra o funcionalismo público. No Judiciário Federal do Rio Grande do Sul, nossos colegas aposentados são exemplo de luta e consciência, participando constantemente das atividades do sindicato, além dos debates e atos, contribuindo com toda a categoria pela valorização do trabalho.

 

Previdência Social, um direito constitucional sob ataque

 

A Previdência Social é um direito garantido pela Constituição de 1988, conquistado após décadas de luta, e pode sofrer um retrocesso irreparável sob o governo Bolsonaro. O princípio da solidariedade, instituído pelo artigo 194 Constituição, determina  uma obrigação social conjunta, entre trabalhadores, patrões e o Estado, para a manutenção da seguridade social, que garante não apenas a renda ao contribuinte a sua família, como também auxílios em casos de doença, acidente ou gravidez. Ao propor a reforma, o governo Bolsonaro quer isentar donos de empresas e o estado de sua obrigação legal para com a nação.

 

O Sintrajufe/RS, junto a outras entidades, vem resistindo contra os ataques à Previdência, sobretudo a partir do Fórum Gaúcho em Defesa da Previdência. Neste Dia do Aposentado, o Sintrajufe/RS participou do Ato em Defesa da Previdência na Esquina Democrática.

 

    Veja também

    Últimas Notícias

    Clique aqui e cadastre-se para receber nossos INFORMATIVOS

    cadastre-se

    Faça seu Login

    Recuperar Senha / Primeiro acesso

    O e-mail foi enviado com sucesso.

    Ocorreu um erro no envio.