Veja o que muda com a aprovação da participação eletrônica no Sintrajufe/RS


29.Junho.2018 - 17h36min

A aprovação da participação eletrônica pela categoria na assembleia geral do dia 23 representou um salto sem precedentes no sentido de ampliar o poder de decisão, de fato, de todos os colegas sindicalizados, independentemente da localidade, nos rumos do sindicato. É o uso da tecnologia para ampliar a democracia e horizontalizar decisões. Veja os principais avanços:

Assembleias gerais por videoconferência, com igualdade de condições de participação

As próximas assembleias gerais serão realizadas em Porto Alegre e simultaneamente em cidades-polo no interior do estado, por videoconferência. Tudo em tempo real e com igualdade de condições de participação e voto. Para se habilitar a cidade-polo, a cidade precisa ter direção de base e, no mínimo, 30 sindicalizados (somadas as justiças Federal, do Trabalho, Eleitoral e Militar da União).

Além disso, o pedido deve ser resultado de assembleia de base; as cidades já habilitadas deverão se credenciar antes de cada atividade; a assembleia deve ocorrer no local de trabalho ou outro de livre acesso a todos os sindicalizados da cidade-polo. O regramento completo está disponível AQUI.

Consultas eletrônicas com caráter deliberativo

As consultas eletrônicas, que já vinham sendo promovidas pelo Sintrajufe/RS, via acesso restrito do site, passaram a ter caráter deliberativo. Poderão ser objeto de votação eletrônica os mais diversos assuntos, desde que não se trate de paralisação, greve e outras mobilizações ou matérias que, de acordo com o Estatuto, sejam de competência exclusiva de outras instâncias ou órgão do sistema diretivo do sindicato. O regramento completo das consultas eletrônicas pode ser acessado AQUI.

De acordo com o regramento aprovado, qualquer instância ou órgão do sistema diretivo do Sintrajufe/RS pode convocar uma votação eletrônica, ficando garantido a um quinto dos sindicalizados o direito de promovê-las. Só haverá necessidade de quórum nos casos explicitados no Estatuto. Informações como nome dos votantes e votos registrados serão divulgados no momento da votação, para maior transparência do processo.

Atendimento jurídico online para o interior

Além de ampliar a participação dos colegas nas decisões do sindicato, a internet também tem facilitado a utilização de serviços oferecidos pelo sindicato. Um exemplo é que os colegas sindicalizados do interior já podem agendar consultas com a assessoria jurídica do sindicato via internet, sem necessidade de deslocamento até Porto Alegre.

Para isso, basta agendar a consulta pelo telefone (51) 3235-1877, com a Secretaria de Saúde e Relações de Trabalho. O contato é feito por vídeo, pelo programa Skype. As orientações sobre utilização e funcionamento do programa serão repassadas por e-mail pela equipe do sindicato depois do contato do colega.

    Veja também

    Últimas Notícias

    Clique aqui e cadastre-se para receber nossos INFORMATIVOS

    cadastre-se

    Faça seu Login

    Recuperar Senha / Primeiro acesso

    O e-mail foi enviado com sucesso.

    Ocorreu um erro no envio.